O Instituto Moreira Salles e a Fundação Biblioteca Nacional lançaram, na semana passada, o portal Brasiliana Fotográfica, que reúne quase 2,4 mil fotografias em alta resolução do século 19 e das três primeiras décadas do século 20.

As fotografias são de autoria de nomes como Marc Ferrez, Revert Henrique Klumb, Francisco Du Bocage, Guilherme GaenslyMilitão Augusto de Azevedo, Augusto Malta e muitos outros, inclusive anônimos. Como as imagens estão disponibilizadas no site em alta resolução, é possível explorar detalhes.

Curadores da Biblioteca Nacional e do IMS fazem a seleção de imagens em coleções temáticas, como “Retratos” (Sergio Burgi/IMS e Joaquim Marçal Ferreira de Andrade/FBN) e “Cenas de Rua” (Sergio Burgi/IMS). “Na sequência, pretende-se convidar periodicamente curadores externos, para elaborar suas galerias e produzir comentários e reflexões”, informa o portal.

Rio de Janeiro, D. Pedro II e família imperial. O portal dá destaque às fotos da Coleção D. Thereza Christina Maria, tiradas por D. Pedro II, além de um conjunto de retratos da família imperial, feitos por Joaquim Insley Pacheco. Há, ainda, um número grande de imagens do Rio de Janeiro, que está completando 450 anos e é tema, no IMS, da exposição Rio: primeiras poses. São vários os panoramas, que abrangem vastos trechos da cidade.

Uma vez cadastrados no portal, usuários poderão selecionar fotos e compartilhá-las em redes sociais. A cada semana, novas galerias serão destacadas e os curadores desenvolverão comentários e reflexões sobre as imagens escolhidas. A pesquisa pode ser feita por tema, período, local ou autoria.

Fonte: http://arqfuturo.com.br/blog/brasiliana-fotografica-reune-fotos-do-acervo-do-ims-e-da-biblioteca-nacional/